NESTE DOMINGO: conquista do torneio regional garante R$ 1 milhão ao Campinense

Caso conquiste o título de campeão da Copa do Nordeste, ‘o Nordestão’, o Campinense alcançará a cota de R$ 1 milhão, sem os descontos de ISS (Imposto sobre Serviços). As cotas foram estabelecidas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), em reunião com os dirigentes dos clubes, antes do início do torneio. 
Em entrevista à uma emissora de rádio de João Pessoa, neste sábado, o presidente do Campinense, William Simões, usou um discurso de cautela. Elogiou o Asa de Arapiraca (AL) e lembrou que o adversário tem um retrospecto muito bom fora de casa. 
Segundo William Simões, alguns jogadores do Campinense já estão recebendo propostas de outras equipes de futebol do país, inclusive da série A. “Fico feliz, porque isso mostra que acertamos no trabalho, no planejamento”, disse.
Simões reconheceu que será difícil segurar alguns dos titulares no Campinense, mas só conversará sobre essas situações após o jogo deste domingo. Ele admitiu um “realinhamento” nos salários dos jogadores, mas disse que tudo será planejado dentro das condições financeiras do clube. 
Simões repetiu que só vai tratar de contratações de novos jogadores após a final da Copa do Nordeste, que tem a segunda partida neste domingo, no estádio Amigão, em Campina Grande.
Após a decisão da Copa do Nordeste, a Raposa vai participar da segunda fase do Paraibano. No meio de semana pega o Atlético de Cajazeiras, fora de casa. Por isso, mesmo que conquiste o título da Copa do Nordeste, o Campinense fará uma “festa modesta”, segundo as palavras do seu presidente.
Para que o elenco do Campinense pudesse descansar para a competição regional, a Federação Paraibana de Futebol resolveu adiar as primeiras partidas do time no torneio estadual.
Selecionamos para você