EXECUÇÃO: ex-presidiário, que atualmente trabalhava como vendedor de cocadas, é assassinado com 8 tiros no Araxá em Campina Grande/PB

O ex-presidiário Wanderley de Souza Januário (foto), o “Dêda”, de 32 anos, foi assassinado com oito tiros de revólver no início da tarde desta terça-feira (28/05) no bairro do Araxá em Campina Grande.

O crime aconteceu nas proximidades da Creche Municipal Maria Cândida.

Vanderlei caminhava no local quando foi surpreendido por dois homens que abriram fogo. Ele teve morte no local.
Os assassinos não foram identificados.
A vítima morava na Rua Diamantina Cabral da Vila dos Teimosos em Bodocongó.
Recentemente ele havia saído da prisão após cumprir pena por tentativa de homicídio. Atualmente ele vendia cocadas para conseguir sustentar a família.
A delegada Maíra Roberta investiga o crime.
Campina Grande registra, até agora, 88 homicídios em 2013.

Selecionamos para você