Após confirmação de morte de detento, direção do Serrotão realiza “pente fino” em Campina


Na tarde desta sexta-feira (22/02) um detento foi morto por outros presidiários no interior de um dos pavilhões na Penitenciária Raymundo Asfora (Serrotão), em Campina Grande.

O apenado Emanuel Messias Ferreira da Silva, 27 anos, cumpria pena por roubo, foi espancado no pavilhão 3,  e socorrido pelos Agentes Penitenciários para o Hospital de Trauma, mas não resistiu.
Diante da situação, por volta das 05h30 deste sábado foi realizado um pente-fino no pavilhão onde ocorreu o crime.
O apenado Jailson Félix Ferreira, 31 anos, que cumpre pena por homicídio, afirmou que ele foi o autor das agressões que resultaram na morte do preso.
A direção da Penitenciária informou que segundo Jailson, a motivação foi o fato dele ter sido acusado duas vezes injustamente de ter subtraído coisas no pavilhão, quando o autor teria sido o Emanuel Messias. 
PENTE-FINO

“Na manhã de hoje foi realizado procedimento pente-fino no pavilhão 3, onde foi feito uma vistoria no local e retirados vários materiais ilícitos e proibidos na Penitenciária. Inclusive um ‘barrote'(parecido com cassetete) que aparentemente foi usado na ação. Será instaurado uma sindicância para apurar o fato”, informou Delmiro Nóbrega, diretor.
Saldo do Pente-fino: 
26 celulares; 20 carregadores; 11 fones de ouvido; 2 espetos; 20 facas artesanais; uma balanço de precisão; 66g de maconha (aproximadamente); 19g de cocaína; 23 baterias; 13 Chips e  um “barrote”.

(Com informações de Renato Diniz)

Selecionamos para você