PT desautoriza dirigentes do partido a participarem da gestão de Berg Lima em Bayeux/PB

O Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) em Bayeux, região metropolitana de João Pessoa, emitiu uma nota nesta segunda-feira (20) desautorizando dirigentes da legenda a participar da gestão de Berg Lima por meio de cargos de confiança. Foram divulgados vários posicionamentos do partido em relação à esfera municipal.

Segundo a nota, o PT anunciou a saída da gestão de Berg depois de sua prisão, em 6 de julho de 2017, por suposto recebimento de propina. A legenda ainda fez a convocação para construir uma frente política “para a elaboração de um projeto político democrático, popular e comprometido, sobretudo, com a população mais vulnerável da cidade”.

NOTA PÚBLICA: PT de Bayeux reafirma oposição ao prefeito Berg Lima e conclama forças populares para construção de Frente Política!

Partido dos Trabalhadores Diretório Municipal Bayeux

A Comissão Provisória do Partido dos Trabalhadores de Bayeux vem através desta nota publicar os seguintes posicionamentos:

1. Reiteramos a nota publicada por essa instância partidária em 06 de julho de 2017, que anunciou a saída do PT da gestão do Prefeito Berg Lima, após a sua prisão em flagrante por um suposto recebimento de propina em troca da liberação de pagamento a um fornecedor;

2. Desautorizamos qualquer dirigente do Partido dos Trabalhadores em participar de cargos de confiança na atual gestão municipal de Bayeux, sob pena de medidas disciplinares (Inciso XI, Artigo 227 do Estatuto do Partido dos Trabalhadores);

3. Convocamos os filiados e militantes do Partido dos Trabalhadores para somar nas diversas trincheiras de lutas (sindicato dos servidores municipais, movimentos sociais de luta por moradia, associações, redes sociais etc.), que tem denunciado as situações de omissão e descaso na atual gestão da cidade de Bayeux, mas também para as lutas por LULA LIVRE,  pela defesa da EDUCAÇÃO e contra a Reforma da Previdência;

4. Convocamos as forças populares, democráticas e progressistas, para a construção de uma FRENTE POLÍTICA voltada para a elaboração de um projeto político democrático, popular e comprometido, sobretudo, com a população mais vulnerável da cidade.

Bayeux, 20 de maio de 2019.

Atenciosamente,

COMISSÃO PROVISÓRIA DO PARTIDO DOS TRABALHADORES DE BAYEUX

Com informações do Click PB

Selecionamos para você