URGENTE: justiça cassa prefeito de Taperoá/PB e vice e determina novas eleições

O juiz da 27ª zona eleitoral, Carlos Gustavo Guimarães, cassou o mandato de Jurandi Gouveia Farias (MDB) e de Francisco Antônio da Silva (PDT), prefeito e vice, respectivamente, e determinou novas eleições na cidade de Taperoá, a 216 km de João Pessoa.

Conforme a decisão do juiz, ele é suspeito de práticas vedadas pela Justiça Eleitoral nas eleições para prefeitura na cidade, promovendo escavação de poços, contratando por 18 vezes servidores temporários e com exploração dos limites de gastos com publicidade no primeiro semestre do ano eleitoral.

Além da perda do mandato, foi imposta ao prefeito cassado inelegibilidade pelo prazo de oito anos e uma multa de 101 mil Unidades Fiscais de Referência (Ufir) que, segundo a Receita do Estado, equivale a pouco mais de R$ 5 milhões.

Conforme a decisão do juiz, o presidente da Câmara Municipal de Taperoá, Birino Brito, deverá assumir a prefeitura da cidade de forma interina até que as novas eleições sejam definidas pela Justiça Eleitoral.

Conhecido como Jurandi Pileque, o prefeito cassado foi eleito com 3.461 votos, o que representa 40,56% do total na cidade em 2016. À reportagem, Jurandi negou as acusações apontadas pelo juiz e disse que já acionou os advogados para tentar reverter a situação.

Com informações do Portal Correio

Selecionamos para você