Clubes paraibanos terão que devolver recursos do Gol de Placa, caso seja identificada aplicação irregular

O governador João Azevêdo (PSB) disse que o programa Gol de Placa está passando por uma reestruturação e que, se for o caso, o Governo do Estado cobrará dos clubes a devolução do dinheiro que não tenha sido aplicado adequadamente. A declaração foi dada durante entrevista coletiva nesta sexta-feira (9) no lançamento de novos créditos do programa Empreender Paraíba.

João Azevêdo disse que diversos órgãos estão trabalhando na reestruturação do programa esportivo. “O Gol de Placa está passando, nesse momento, por uma reestruturação. Isso é um trabalho que está sendo feito pela Secretaria da Fazenda, juntamente com o Ministério Público, juntamente com a Secretaria de Esportes e os clubes.”

O gestor informou que aguarda decisão do Ministério Público da Paraíba (MPPB) e acredita que o órgão vai estabelecer um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). “Para que a gente equacione essa questão de qualquer falha que tenha acontecido durante a implementação do programa, estamos dependendo da análise que o Ministério Público está fazendo. Por parte do Governo não tem problema nenhum, está devidamente equacionado. Estamos aguardando porque ao final deve ser, à minha compreensão, assinado um Termo de Ajustamento de Conduta entre os clubes, a Secretaria e a Federação para que a gente possa operacionalizar de uma maneira mais tranquila o programa Gol de Placa.”

João Azevêdo disse que haverá cobrança em caso de constatação de recurso aplicado inadequadamente. “Se houver constatação, nós faremos essa cobrança e terá que ser devolvido o recurso que foi identificado e que não tenha sido aplicado adequadamente.”

ClickPB

Selecionamos para você